top of page

Agora você conta com um assistente de leitura, o chatGPT responde suas perguntas sobre a postagem que está lendo. Somente abra o chat abaixo e faça perguntas!

O caso Rilary: acho que ela deveria sim usar internet!





"Ela estudava sozinha em casa e como não tem Wi-fi" Fonte



Ouvi pessoas dizendo que a falta de internet dela foi algo bom. Eu discordo, e acho uma romantização da desigualmente no nosso país. Meu caso é muito parecido com o dela, mas no meu tempo, isso em torno de 2005, a internet era cara. Nem tinha na minha região. Quando estudei para o TOELF-iBT, isso avançando no tempo, usei internet para estudar: era discada, e somente podia usar a noite porque era de graça. Tive acesso a várias redações como exemplo, e vários temas onde eu fazia um por dia. Além de dicas no YouTube. Além de inúmeros áudios para afinar minha escuta.


Eu confio que ela tem a disciplina para usar a internet. Ela poderia baixa livros e mais. Grande parte da literatura brasileira pode ser baixada como PDF.


Como esse valor (+100.000 reais), a primeira coisas que faria, seria pagar por um wifi, vai precisar para estudar!


O que ocorreu: ela se adaptou ao que tinha, em vez de ficar chorando pelo o que lhe faltava! Genial minha jovem! 😁


Contudo, isso não significa que ela deva continuar se privando da internet. Note que a campanha dela somente foi de sucesso devido à internet: +70.000 em 3 horas. Quando usado de forma responsável, a internet é algo maravilhoso!


 



28 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page